Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Indicadores de 3 salvaguardas de REDD+ foram tema de oficina regional em Mato Grosso

Publicado: Segunda, 16 de Abril de 2018, 15h06 | Última atualização em Segunda, 16 de Abril de 2018, 18h13

Indicadores de 3 salvaguardas de REDD+ foram temas de oficina regional no Mato Grosso

 

 Uma plataforma em breve permitirá ao Brasil demonstrar como as salvaguardas de Cancun são tratadas e abordadas no alcance de resultados de REDD+ e no uso de pagamentos por resultados. O desenvolvimento do Sistema de Informações sobre Salvaguardas de REDD+ (SISREDD+) tem sido tema de debates no âmbito da Câmara Consultiva Temática (CCT) sobre Salvaguardas (CCT-Salv) desde junho de 2017 e em 2018 passa a contar com aportes de um grupo ainda mais amplo da sociedade brasileira, por meio de oficinas regionais.

 Entre os dias 09 e 11 de abril de 2018 aconteceu, na cidade de Cuiabá-MT, a 2ª Oficina para Desenvolvimento da Metodologia de Avaliação das Salvaguardas de REDD+. Esta oficina foi a segunda atividade coletiva de desenvolvimento do SISREDD+ com os objetivos de: nivelamento conceitual e aprimoramento de requisitos do SISREDD+ construídos na 1ª oficina; e proposição de alvos e identificação de indicadores e complementação de seus atributos para as Salvaguardas A, B e F.

Esta oficina faz parte da segunda etapa do processo de construção participativa dos indicadores para avaliação do respeito e cumprimento das Salvaguardas de REDD+, que conta com apoio do Programa Políticas sobre Mudança do Clima (PoMuC), uma articulação entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e a Agência de Cooperação Alemã (GIZ). No âmbito do PoMuC, o Grupo Natureza Sociedade e Conservação (Grupo NSC) é responsável pelo apoio técnico-metodológico no desenvolvimento da metodologia de avaliação das salvaguardas de REDD+.

 Participaram do evento 56 pessoas, entre especialistas, representantes de povos indígenas e povos e comunidades tradicionais e membros da CCT-Salv. Estavam representados 8 estados e 35 insitutuições. As contribuições obtidas nos três dias de trabalho serão fundamentais para a construção dos indicadores para cada as salvaguardas de REDD+ discutidas.

 Regularmente, o REDD+ Brasil trará novas informações sobre a realização das oficinas de desenvolvimento de indicadores do SISREDD+.

 

Clique aqui para acessar os documentos da 2ª Oficina:

Lista de Presença

Abertura NSC

Apresentação sobre Enredd+_MMA

O desenvolvimento do SISREDD+

SISREDD+ no Mato Grosso_Sema-MT

Indicadores NSC

Plataforma Indicar_IPAM

Fim do conteúdo da página